Textos


Alcorão


A Sunnah


Ditos Do Profeta (sws)


Jesus no Islam


Porugués


 

 

 

 

 

 

 

 

Ditos Do Profeta Muhammad (SWS)


Abdullah Ibn Umar Ibn Al Khattab narrou:
Ouvi o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), dizer:

Num tempo anterior ao vosso, houve três homens que iniciaram uma marcha, chegada a noite, decidiram refugiar-se em uma gruta; porem uma vez dentro dela, uma rocha rolou da montanha e fechou a saída da gruta, então disseram entre si:

''Não há como escapar-mos dessa rocha, a não ser rogando a Deus e invocando nossas boas obras''

E um deles disse:

''Deus meu, eu tinha em minha casa os meus pais, e eram muito velhos , não permitia que ninguém da minha própria família tomasse o leite recém ordenhado antes que eles.
Certo dia me distanciei muito de minha casa em busca de lenha, quando voltei, estavam dormindo, e assim ordenhei as vacas enquanto estavam dormindo, não quis desperta-los, e também não queria oferecer o leite a minha família ou ao servos antes que aos meus pais.
Pôr isso fiquei esperando, com a vasilha de leite em punho, ate que eles acordassem, até que o dia clareou, e meus filhos reclamaram o leite, foi ai que os meus pais despertaram e tomaram o seu leite.
Deus meu, se o que fiz foi em busca do Teu beneplácito, então alivia-nos desta situação e livra-nos desta rocha!''

A rocha se afastou um pouco, mesmo assim ainda não podiam sair, então disse o segundo homem:

''Deus meu, eu tinha uma prima a quem amava mais do que ninguém, tentava persuadi-la a que se entregasse a mim, mas ela se negava.
E, em um ano de grande seca, ela veio a mim pedindo ajuda, dei a ela cento e vinte moedas de ouro, com a condição de que não resistisse aos meus desejos, e ela o aceitou.
Quando estava eu a ponto de a possuir, ela me disse: Tem piedade e teme a Deus! Não me possuas, senão de um modo legítimo !
Foi então quando me retrai, mantendo o meu amor pôr ela, e deixando com ela as moedas de ouro que lhe havia entregue, Deus meu, se o que fiz foi em busca do Teu beneplácito, então alivia-nos desta situação e livra-nos desta rocha!''

A rocha se afastou um pouco, mesmo assim ainda não podiam sair, então disse o terceiro homem:

''Deus meu, havia contratado alguns trabalhadores, e lhes paguei todos os seus salários, com exceção de um que havia partido sem nada cobrar então eu investi o dinheiro o qual me rendeu grandes benefícios.
Depois de algum tempo aquele trabalhador, e disse:
Ó servo de Deus, entrega-me o meu salário!
Ao que eu respondi:
Tudo o que vês provém do teu salário, todos estes camelos, todas estas vacas, estas ovelhas e estes escravos são teus.
Ele me respondeu:
Ó servo de Deus não zombes de mim!
E eu lhe respondi:
Não estou zombando de ti.
Eis que ele levou tudo o que lhe foi apresentado, sem nada deixar. se o que fiz foi em busca do Teu beneplácito, então alivia-nos desta situação e livra-nos desta rocha!''

Foi ai que a rocha se afastou de vez, e aqueles homens saíram caminhando com os seus próprios pés.
( Bukhari e Muslim)

Abdullah Ibn Kais Achari narrou:
O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Deus, o Altíssimo, estende a Sua mão a noite para que se arrependa o malfeitor do que tenha cometido durante o dia, e estende a Sua mão de dia para que se arrependa o malfeitor do que tenha cometido durante a noite! E, assim, até que o sol sai do seu poente.'' (Muslim)

Ibn Abbas narrou;
O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Se um dentre os filhos de Adão tivesse um vale de ouro, teria desejado ter dois; porém na sua morte, não lhe encherá a boca, nada além da terra, Ainda assim, Deus perdoará a todo aquele que se arrepender.'' (Bukhari e Muslim)

Al Agar Ibn Yasar Al Muzani narrou:
O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Ó humanos, arrependei-vos perante Deus, e implorai o Seu perdão, pois eu me arrependo perante Ele cem vezes ao dia.'' ( Muslim)

Al Haris Ibn A'ssim Al Achari relatou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''A purificação é metade da fé. O louvar-mos a Deus faz com que se encha a balança das boas ações. E louvar-mos e glorificar-mos a Deus fazem com que se encham as coisas que há entre o céu e a terra. A oração é luz, e a claridade é uma evidência. A paciência é luminosidade, e o Alcorão é uma prova pró ou contra nós. Toda a pessoa começa o dia como vendedoras de si mesma, libertando-se ou condenando-se.'' (Muslim)

Yahia Ibn Sinan relatou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''É admirável o caso do crente, pois tudo é bom para ele; e isto não ocorre com ninguém mais, a não ser com o crente. Se é objeto de um bem da graças, e isto é um bem para ele, e se sofre alguma calamidade e se arma de paciência, isto também é um benefício para ele.'' ( Muslim)

Usama Ibn Zaid Ibn Harissa narra que a filha do Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), comunicou a seu pai:
''Meu filho está agonizando, e esperamos a tua presença em casa.''

O Profeta Muhammad enviou a suas saudações, dizendo:

''A Deus pertence aquilo que leva, e a Deus pertence aquilo que dá. Tudo para Ele, tem um plano preestabelecido. Então que tenha muita paciência e que rogue a Deus para que seja recompensada.''

Ela voltou a insistir pôr ele, pedindo-lhe pôr Deus que fosse, o Profeta Muhammad se dispôs a vê-la, acompanhado pôr Saad Ibn Ubada, Moaz Ibn Jabal, Ubai Ibn Kaab e Zaid Ibn Thabit, entre outros.
Uma vez lá, o menino foi levado ao Profeta Muhammad, que o pegou no colo, enquanto o pequeno menino ofegava. Os olhos do Profeta Muhammad se encheram de lagrimas, ao vê-lo chorar, Saad perguntou:
''Ó Mensageiro de Deus, que é isso?''
E Profeta Muhammad respondeu:
'' É a compaixão que Deus pôs no coração dos Seus servos,'' (Bukhari e Muslim)

Abu Huraira narrou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
Deus Louvado seja disse:
''Não tenho outra recompensa que não seja o próprio Paraíso para o Meu servo crente que, quando tomo o seu mais querido ente, nesta vida, ele o aceita com resignação, em busca da Minha recompensa.'' ( Bukhari)

Anas narrou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), passou junto a uma mulher que chorava ao lado de uma sepultura, e disse a ela:
''Sê devota e paciente!''
Ela lhe respondeu:
''Deixa-me, pois tu não tens sofrido o mesmo que eu em minha desgraça!''
A mulher não havia reconhecido o Profeta Muhammad, mais tarde, quando foi informada de que se tratava do Profeta Muhammad, dirigiu-se a casa dele, e, não encontrando nenhum criado, entrou e lhe disse:
''Não te reconheci."
E o Profeta Muhammad replicou:
''A paciência se mostra ante o primeiro acontecimento de uma calamidade.'' ( Bukhari e Muslim)

Abdullah Ibn Massud narrou:
''É como se estivesse vendo agora o Mensageiro de Deus, nos falando de um dos Profetas de Deus, que foi golpeado pelo seu próprio povo até a sangria; e enquanto limpava a ferida disse; senhor perdoa o meu povo porque não sabem o que fazem.'' (Bukhari e Muslim)

Ibn Massud relatou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''A verdade conduz à bondade, e a bondade conduz ao Paraíso, de certo que se um homem disser constantemente a verdade, Deus o inscreverá como realmente veraz. A mentira conduz ao fogo, deste modo, se um homem disser sempre mentiras, Deus o inscreverá como irremediavelmente mentiroso.'' (Bukhari e Muslim)

Umar Ibn Al Khattab narrou que num dia em que ele e outras pessoas estavam sentados em companhia do Profeta Muhammad, quando aproximou-se dele um homem com uma roupa de resplandecente brancura , e tinha cabelos intensamente negros, não notava-se nele sinais de que estivesse em viagem, e nem tampouco o conhecia nenhum de nós, sentou-se em frente ao Profeta Muhammad, apoiando os seus joelhos contra os do Profeta Muhammad; e pondo as mão sobre as pernas do Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) e disse:
''Ó Muhammad fala-me, acerca do Islam?''
O Mensageiro de Deus lhe respondeu:
''O Islam exige que prestes testemunho de que não há outra divindade além de Deus, e de que Muhammad é o Seu Mensageiro; que observes a oração e que pagues o zakat; que jejues no mês de Ramadan, e que realizes a peregrinação à Kaaba, se tens meio para isso.''
O homem disse:
''Disseste a verdade.''
À nós surpreendeu-nos que lhe perguntasse , e que logo confirmasse a verdade, o homem voltou a perguntar:
''Fala-me sobre a fé?''
O Mensageiro de Deus lhe respondeu:
''Que creias e tenha fé em Deus, em Seus Anjos, em Seus Mensageiros e no Dia do Juízo, e creias e tenha fé no destino, tanto no bom quanto no mal.''
O homem disse:
''Falaste a verdade!''
O homem voltou a perguntar:
''Fala-me agora sobre o devido cumprimento das obrigações?''
O Mensageiro de Deus lhe respondeu:
''Que adores A Deus como se O visse, pois se não O vês, Ele te vê.''
O homem disse:
''Fala-me à cerca do Dia do Juízo?''
Disse o Mensageiro de Deus:
''Quem está sendo interrogado disso não tem melhor conhecimento do que quem está fazendo a pergunta.''
O homem insistiu:
''Fala-me então, dos seus sinais?''
Disse o Mensageiro de Deus:
"Será quando a escrava der a luz a sua própria senhora, e quando vires os descamisados e desamparados pastores de ovelhas competindo nas construções dos altos edifícios.''
E aquele homem se foi deixando-me pensativo pôr um tempo, o Profeta Muhammad me perguntou:
''Ó Umar, sabes quem era aquele que me perguntava?''
Eu disse:
''Deus e o Seu Mensageiro tem melhor conhecimento!''
Disse Ele:
''Era o Arcanjo Gabriel que veio ensinar-vos a essência de vossa religião.'' (Muslim)

Abu Huraira narrou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Aquele que aliviar, de um crente, uma angustia, das angustias desta vida, Deus aliviará algumas dele as angustias no Dia do Juízo Final; e aquele que resolver a dificuldade de um necessitado, Deus resolverá as suas dificuldades, tanto nesta vida como na outra; e aquele que for discreto para com as faltas de um muçulmano, Deus será discreto com as suas faltas, nesta vida e na outra; e aquele que empreender o caminho na busca do conhecimento, Deus facilitará, pôr isso, o caminho para o Paraíso. Sempre que se reunir um grupo de pessoas para recitar e estudar o Livro de Deus, fazendo-o em uma das casas do Senhor, o sossego descerá sobre elas, e a Misericórdia de Deus, as cobrirá; os anjos a rodearão, e serão mencionadas pôr Deus, ante os quais se encontra a Sua presença, aquele cujas obras tenham sido rebaixadas não será dignificado pôr sua linhagem.'' (muslim)

Abu Huraira narrou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
'' Não tenhais inveja, nem manipuleis os preços das coisas, não vos odieis, nem vos deis as costas. Não vos rivalizeis, prejudicando uns as vendas dos outros. Ó servos de Deus, sede como irmãos! O muçulmano é irmão do muçulmano; não é injusto para com ele, não o menospreza, nem o abandona à sua sorte. A religiosidade se encontra aqui mesmo, <<demonstrou, batendo no peito três vezes>>; demasiada maldade demonstraria uma pessoa que menosprezasse o seu irmão muçulmano! Tudo que possui um muçulmano é inviolável; seu sangue, seus bens, sua honra.'' (Muslim)

Moaz relatou:
O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), designou-me como seu delegado, no Iêmen, e me disse:
''Tu te apresentarás a um povo que é seguidor das sagradas escrituras, convida-os a prestarem testemunho de que não há outra divindade além de Deus, e que eu sou o seu Mensageiro. Se o aceitarem, informa-os que Deus prescreveu o cumprimento de cinco orações diárias. Se o aceitarem, informa-os que Deus prescreveu uma caridade que será tomada dos ricos, para ser distribuída entre os pobres. Se o aceitarem, não toques no que é valioso, de suas propriedades. Contudo, previne-te quanto as súplicas a Deus dos agravados, pois entre Deus e essas súplicas não existe barreira alguma.

Ibn Abbas narrou que um dia se encontrava atrás do Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), quando ele se virou e lhe disse:
''Ó jovem, ensinar-te-ei Algumas palavras: Recorda a Deus e Ele te guardará. Recorda a Deus, e O encontrarás sempre junto a ti. Se implorares por algo, implora à Deus. E se necessitares de ajuda, recorre à Deus. E tem certeza de que ainda que se reuna todo o povo para beneficiar-te em algo, não o farão, a não ser aquilo que Deus houver disposto para ti. E se eles se reunirem para prejudicar-te em algo, não o farão, a não ser aquilo que Deus houver determinado sobre ti. Assim, as penas das canetas ficam retiradas, a as folhas do destino secas.'' (Tirmizzi)

Ibn Abbas relatou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Deus meu, a Ti me submeto, em Ti creio, tenho fé, e a Ti me encomendo. A Ti me volto em adoração, e por Ti descordo (dos incrédulos)! Deus meu, refugio-me em Teu sublime poderio, pois não existe outro senhor que não sejas Tu, que me faça extraviar (por merecer). Tu és o Vivente, que jamais morre, porquanto tanto os humanos como os gênios morrem.'' (Bukhari e Muslim)

Al Barah Ibn Azib relatou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
Quando fores recolher-te ao seu leito, dize: ''Deus meu a Ti me entrego, e a Ti oriento o meu rosto, e a Ti encomendo os meus assuntos; em Ti resguardo o meu costado, por amor e por temor a Ti. Não há refugiu nem salvaguarda de Ti, a não ser em Ti, creio e tenho fé na Escritura que me revelaste e no Profeta que enviaste. E se morreres está noite, morrerás como um verdadeiro crente, com inata fé. E se te chegar a manhã, encontrar-te-ás melhor.'' (Bukhari e Muslim)

Abu Huraira relatou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Tomai a iniciativa fazendo boas ações, antes que ocorram os sete acontecimentos; e tende cuidado com eles; uma pobreza que faz esquecer, uma riqueza que causa despotismo, uma enfermidade maligna, uma velhice senil, uma morte repentina, o anti-cristo e o impostor pois terás que contar com á maldade do que está ausente, e a Hora do Juízo, pois a Hora será a mais calamitosa e amarga.'' (Tirmizzi)

Abu Huraira relatou que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), contou que deus Louvado seja disse:
''Àquele que hostiliza um dos Meus servos mais devotos, está em guerra Comigo; e quando um servo Meus buscar o Meus beneplácito, isso Me será tão gratificante como se o cumprisse o que lhe tem sido declarado como obrigatório. Meu servo continuará buscando o meu beneplácito mediante orações opcionais, até que acabe gostando delas. E quando isso acontecer, converte-Me-ei em seus ouvidos com os quais ouve, em suas vistas com as quais vê, em suas mãos com as quais opere, e em suas pernas com as quais ande. Se Me pedir algo, dar-lhe-ei; e se em Mim buscar refúgio, conceder-lhe-ei.'' (Bukhari)

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), disse:
"Mesmo encontrar a seu irmão com o rosto risonho é uma caridade.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''A caridade é uma necessidade para todo muçulmano.''
Foi-lhe perguntado:
''E se a pessoa nada tiver para dar ?"
O Profeta Muhammad (que a Paz e Bênção de Deus estejam sobre ele), respondeu:
''Deve trabalhar com suas próprias mãos para o seu benefício e então dar algo da tal ganho em caridade.''
Os companheiros perguntaram:
''E se ele for incapaz de trabalhar ?''
O Mensageiro de Deus (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), respondeu:
''Ele deve ajudar aos pobres e necessitados.''
Perguntaram novamente:
''E se não puder fazer isso ?''
O Mensageiro de Deus (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), respondeu:
"Deve incitar as pessoas a praticar o bem.''
Os companheiros perguntaram ainda:
"E se também não puder fazer isso ?''
O Mensageiro de Deus (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), respondeu:
''Deve se afastar da prática do mal, que isso também é caridade.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), certo dia respondeu assim, a uma pergunta sobre o que seria a fé.
''Acreditar no Deus Único, em seus mensageiros angelicais, nos livros revelados pôr Ele, nos seus mensageiros humanos, no dia do juízo final, e na determinação, pôr Deus, do bem e do mal.''

Al Nawwas Ibn Sam'an relata que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Quando Deus deseja revelar algo ao homem, fala claramente as palavras a serem relatadas.Neste instante, os céus estremecem pôr temor à Ele. Quando as palavras de Deus chegam aos habitantes dos céus, estes se chocam e caem prostrados.O primeiro deles a erguer a cabeça será o Arcanjo Gabriel, então, passará pêlos outros Anjos em diferentes céus, e é perguntado em cada um:
O que é que o nosso senhor disse?
Ele responderá:
Disse a verdade; Ele é o Grandioso, O Altíssimo.
Todos repetirão a mesma frase depois dele, Gabriel então irá onde o Todo Poderoso lhe ordenar.''

Ibn Al Kassir narra:
''Umiah Bin Khalaf apresentou-se ao Profeta Muhammad (que a Paz e a Benção de Deus estejam com ele), levando na mão um osso decomposto que ele fragmentava e soltava ao vento e dizia: Alegas, ó Muhammad, que Deus ressuscitará isso?
Muhammad respondeu-lhe: Sim ! Deus far-te-á morrer, então te ressuscitará, então te encurralará no inferno.''

Abu Huraira narra que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
"Quem faz apelo para o bem, participará da recompensa daqueles que o seguirem, sem diminuir-lhes as recompensas. Quem convocar para o mal, participará dos castigos daqueles que o seguirem, sem lhes diminuir os castigos em nada." (Muslim.)

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''A todos vos Deus falará, sem a necessidade de um tradutor. Olhareis para a direita e vereis o que fizestes; olhareis para a esquerda e vereis o que fizestes; olhareis para a frente e vereis o inferno. Temei o inferno, nem que seja com o equivalente ao sulco de um caroço de tâmara. Quem não puder, que o faças com boas palavras.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Todo servo, no Dia da Ressurreição, será perguntado sobre quatro coisas; sobre como despendeu a sua vida, como consumiu a sua mocidade, sobre a sua fortuna, como a conseguiu e em que gastou; e sobre o seu conhecimento e o que dele fez.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Quem se apossar de algo pertencente a um muçulmano, Deus lhe destinará o inferno e lhe vedará o paraíso. Um homem lhe perguntou: Nem que seja algo sem valor? O mensageiro respondeu: Mesmo que seja a mais ínfima das coisas.''

Ummu Salma narra que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Sou muçulmano, quando trazeis vossas divergências a mim para eu julga-las, talvez alguns de vós saibam melhor apresentar seu argumento do que outros. Eu julgo de acordo com o que ouço, se eu conceder a alguém algo pertencente a seu irmão pôr direito, estarei lhe fornecendo um pedaço do inferno.''

Abu Huraira narrou, que o Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''O crente mais íntegro é aquele que demonstra melhor caráter e de melhor moralidade. E o melhor dentre vós é aquele que melhor trata a sua mulher, e o que é melhor para com a sua mulher.''

Iman Al Bukhari, narrou que Saad Ibn Wakkas disse:
''Eu estava tão doente em Makka que podia morrer, o Profeta Muhammad (que a Paz e a Benção de Deus estejam sobre Ele), veio visitar-me.
Eu disse a Ele: Ó Mensageiro de Deus, tenho muito dinheiro e não tenho para herdá-lo, exceto a minha filha, posso dar dois terços desse dinheiro como esmola?
Disse o Mensageiro: Não.
Eu disse: Então a metade?
Disse o Mensageiro: Não.
Eu disse: um terço?
Disse o Mensageiro: um terço ainda é muito. Deixar as suas crianças ricas é melhor do que deixa-las pobres esmolando de outros. Tu não gastarás nada sem recompensa; mesmo um pedacinho de pão levado a tua esposa será recompensado.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), sempre elogiou as mulheres virtuosas e puras. Ele disse:
" O mundo e todas as coisas contidas nele são preciosas, mas, a coisa mais preciosa no mundo é uma mulher virtuosa.

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''O crente mais íntegro é aquele que demonstra melhor caráter e de melhor moralidade. E o melhor dentre vós é aquele que melhor trata a sua mulher, e o que é melhor para com a sua mulher.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Que nenhum crente guarde rancor de sua esposa, pois se algo do caráter dela o desagrada, será comprazido no resto da mesma.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Sabei que tens direitos sobre as vossas mulheres e elas têm direitos sobre vós. Os vossos direitos é não vos traírem, nem permitirem que entre em vossas casas quem não desejais, e os seus direitos sobre vós é que deveis tratá-las bem, alimentando-as e vestindo-as.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Entre os habitantes do inferno estão as mulheres que mesmo vestidas estão nuas, sedutoras e sendo seduzidas. Estas não entrarão no Paraíso, nem mesmo sua fragrância chegará a elas.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bêenção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Afasta-te de tudo que Deus vedou, e serás o mais piedoso dos homens. Resigna-te ao que Deus destinou a ti e serás o mais rico dos homens. Fazei o bem a teus vizinhos, e serás verdadeiramente crente. Deseje para os seus semelhantes, o que desejas para ti mesmo, e serás um autêntico muçulmano.''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
''Que será de vós se vos assolarem cinco calamidades, e refugiu-me em Deus se vos atingirem, ou as alcançardes:
1º- Todo povo que se entrega à fornicação, declarada e desavergonhadamente, será assolado por epidemias e dores jamais havidas no meio de seus antepassados;
2º- Todo povo que não cumpre o zakat, será privado da água do céu, e se não fossem pêlos animais jamais veriam a chuva;
3º- Todo povo que burlar os pesos justos e as medidas corretas, será castigado pela seca, pela falta de alimentos e pela tirania dos governantes;
4º- Todo povo cujos dirigentes governarem contrariamente às Leis de Deus, será subjulgado por seus inimigos, os quais lhe subtrairão parte de suas riquezas;
5º- Todo povo que não seguir o Livro de Deus (Alcorão) e os ensinamentos do seu Profeta (sunnah), Deus fará com que uns sofram os horrores dos outros, (brigarem entre si violentamente, em guerra civil, por exemplo).''

O Profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele) disse:
Eu vos aconselho que observeis nove assuntos, cuja observância meu Deus aconselhou-me:
1º- Ser sincero, tanto no sigilo quanto no declarado;
2º- Ser justo, tanto quando satisfeito, como na insatisfação;
3º- Ser comedido, tanto na fartura quanto na pobreza;
4º- Perdoar quem me injustiçou;
5º- Dar a quem me privou;
6º- Manter vínculos com quem rompeu comigo;
7º- Que meu silêncio seja: pensar;
8º- Que minha fala seja: citar o nome de Deus;
9º- Que o meu olhar seja: tirar lições.''

 

inicia